Redes Sociais

Reinaldo Alguz apresenta as dificuldades nas estradas da Alta Paulista diante o crescimento dessa região

  1. 10 ago
  2. 2011

081ªSO - Divisão Técnica de Taquigrafia – 10/08/2011

O SR. REINALDO ALGUZ – PV - SEM REVISÃO DO ORADOR – Sr. Presidente, Srs. Deputados e Sras. Deputadas, funcionários desta Casa, queridos telespectadores, boa tarde. Nesta oportunidade vamos falar de uma região que passa por uma transformação e graças a Deus com desenvolvimento. Refiro-me à alta Paulista, onde se começa a observar investimento de empresas sucroalcoleiras que passam a se instalar na Alta Paulista. Além da instalação em Paulicéia, Dracena – em Junqueirópolis uma usina está em ampliação e uma nova sendo construída – em Nova Independência, Flórida Paulista, Lucélia e Oswaldo Cruz criou-se um desenvolvimento sócio econômico proporcionando renda aos cidadãos e oportunidades.

Com isso houve, sim, um grande fluxo nas rodovias e algumas tragédias ocorreram. Mas o governador Geraldo Alckmin, no seu governo itinerante por Presidente Prudente, anunciou a recuperação de várias rodovias de importante ligação que traz infraestrutura necessária para toda a região da Alta Paulista. E de uma maneira toda especial a Rodovia João Ribeiro de Barros, que tem tido inúmeros acidentes. Por meio de várias indicações, em audiência com o secretário Saulo, com o superintendente do DER mostramos os pontos críticos e a preocupação dos prefeitos e de toda a população no sentido de esses gargalos serem saneados. Em 4 meses houve muitas tragédias e essas benfeitorias passam a sanear essas dificuldades. Em Adamantina, por exemplo, a FAE, em nível, tem uma faculdade com aproximadamente 5 mil estudantes. Às 7 horas da noite e às 11 horas o fluxo é muito intenso e aquele gargalo precisa ser resolvido. Também a estrada que vem de Valparaíso e entra na João Ribeiro de Barros, quando menos se espera já está em cima da rodovia e por isso acontecem acidentes.

Esses pontos críticos sendo sanados começa a haver maior tranquilidade e principalmente a salvar vidas. O desenvolvimento que vive a nova Alta Paulista proporciona novos investimentos, o estado e a região começam a dar um salto em produtividade e com isso há esperança.

Na cidade de Flórida Paulista também existe uma passagem em nível e um entroncamento perigoso. Temos reiteradamente reivindicado a solução desse problema. Em Pacaembu dois presídios simultaneamente usam a rodovia e nos finais de semana o lugar fica muito perigoso e temos solicitado a resolução desse problema. São indicações importantes que com toda certeza os técnicos do governo poderão atender nas novas ações do governo para melhoria da infraestrutura da região.

Na cidade de Junqueirópolis há um trevo que tem sofrido vários danos. Ao nascer, o sol tira toda a visibilidade dos transeuntes.

Em Dracena a Polícia Rodoviária está em cima do trevo de entrada impedindo o fluxo. Solicitamos ao governo uma obra que possa resolver isso. Que marginais possam tirar o fluxo de Dracena para a rodovia, dando segurança aos munícipes e a todos que passam pela Rodovia João Ribeiro de Barros.

 

O SR. JOSÉ CANDIDO – PT – COM ASSENTIMENTO DO ORADOR – Nobre Deputado estou ouvindo com atenção o seu pronunciamento e quero dizer que passo sempre por aquela região, conheço a Rodovia João Ribeiro de Barros e até mesmo a ponte que atravessa do Mato Grosso para o Estado de São Paulo. Vai aumentar muito o fluxo. Tem razão V.Exa., que é morador de Dracena e está certo ao fazer essa reivindicação. Além de a estrada estar precisando de um recape, está totalmente perigosa para os transeuntes e muitos acidentes já ocorreram nesse local.

 

O SR. REINALDO ALGUZ – PV – Obrigado, nobre Deputado José Cândido, pela sua intervenção, o que reforça a nossa indicação junto ao governo.

Na cidade de Tupi Paulista o trevo de acesso às cidades de Panorama e Pauliceia, onde há essa nova ponte, abriu novas fronteiras de desenvolvimento para o Estado de São Paulo com o Mato Grosso do Sul proporcionando aumento significativo do fluxo.

Inclusive, deputado, hoje já se vê a possibilidade da duplicação dessa região devido ao fluxo que tanto vem do Mato Grosso, do Paraná, como também de Goiás. Ali acabou acontecendo um gargalo de toda atenção do governo do estado. Mas uma coisa é importante, tirar de duas principais cidades, Diamantina e Dracena, o fluxo que utiliza a rodovia como interligação municipal. Com essas duas marginais vão fazer com que se dê total segurança aos pedestres e aos cidadãos desses dois municípios como também dará segurança aos transeuntes que utilizam da rodovia João Ribeiro de Barros. Então, todas essas indicações são necessárias e fazem com que os cidadãos do Estado de São Paulo tenham uma melhor qualidade de vida.

 

O SR. LUIZ CLÁUDIO MARCOLINO – PT – COM ASSENTIMENTO DO ORADOR – É muito importante a fala do nobre deputado. Inclusive, no próximo dia 19 teremos audiência do orçamento na região de Presidente Prudente. Toda região da Alta Paulista estará contemplada nessa audiência pública. É muito importante que essas indicações façam parte do debate na audiência pública para que possamos, todos juntos na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, construir o orçamento regionalizado. Acho que a fala do nobre deputado reforça o que temos debatido nesta Casa sobre a importância da regionalização do orçamento para que essas indicações possam se tornar realidade.

 

O SR. REINALDO ALGUZ – PV – Deputado, estaremos lá debatendo na audiência pública. A rodovia Assis chateaubriand tem um gargalo imenso, está passando pelas mesmas dificuldades, e o governador já anunciou a duplicação dessa rodovia. Isso vai começar a dar um desenvolvimento e atender à demanda. esses gargalos essenciais de infraestrutura começam a ser atendidos. Muito obrigado.